As melhores (e piores) capas do Power Metal – Rhapsody e Blind Guardian

Começando uma série nova que faz tempo que venho pensando sobre. Eu já mencionei em vários posts que conheci algumas bandas por conta das capas, e que na maioria das vezes foi legal, pois as bandas além de terem uma boa arte, tinham também uma boa música.

Mas nem sempre é o caso! Uma banda muito boa pode ter uma capa horrenda, assim como uma banda péssima tem uma arte incrível! Então aqui eu quero mostrar alguns exemplos disso. No caso, vou mencionar capas e bandas rapidamente, sem enrolar muito!

Apenas gostaria de deixar claro que os posts são mais para descontração do que um debate super sério do assunto, afinal, estamos falando de capas que remetem ao gosto pessoal e estético de cada um. O que eu acho legal ou feio pode não ser o mesmo que você ache, então não leve as postagens a sério!

THE GOOD

Começando pelos clássicos, no power metal o que mais temos são temas fantásticos, com espadas, dragões, castelos e coisas do tipo. Então nada mais comum do que capas com esse tema, certo? Bandas como Rhapsody, Blind Guardian, etc, todas apostaram no tema e deram super certo.

Mas no caso das capas acima, temos uma constante: Os artistas são os mesmos para cada banda. No caso do Blind Guardian, o artista Andreas Marschall foi responsável por boa parte de suas capas (e de muitas outras bandas), e com o Rhapsody o encarregado foi Eric Philippe, responsável pelas capas até o álbum Power of the Dragonflame. Ambos artistas trabalharam para diversas bandas, então suas artes são reconhecíveis e famosas entre os fãs. Segue abaixo alguns exemplos:

THE BAD

Mas nem sempre as coisas vão bem. Algumas capas acabam sendo bem ruins, e no caso das duas bandas acima nós temos exemplos que mostram que nem sempre os grandes nomes acertam em suas artes! Pra começar, temos o infame artista Felipe Machado Franco. Esse cara teve um “boom” de capas de cd que foi surreal. Toda banda teve artes com ele, e nem o Blind Guardian ou o Rhapsody estava a salvo. Talvez tenha sido algum contrato com a gravadora, ou o cara cobra MUITO barato, não sei, mas ele aparecia em todas. O problema aqui é que AS ARTES DELE SÃO TODAS IGUAIS! Todas seguem o mesmo estilo, a mesma paleta de cores, tudo. Vejam vocês mesmos:

Acha que estou exagerando? As capas dele por si só não são tão ruins, mas o padrão que ele usa em todas as capas é o que incomoda. Quer ver? Dá uma olhada nas capas dessas outras bandas!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s